02 novembro 2014

Dir-te-ia


Dir-te-ia mil coisas
Sobre aquilo que nem sei
Mas morreria se tais coisas
Te negassem o que sonhei
Dir-te-ia as mil cores
De tudo o que já ousei
Mas seriam mil as dores
Se não falasse do que amei
Dir-te-ia que te amo, talvez...
E das horas em que desesperei...
Mas entenderias os porquês
Daquilo que não falei?


Joaquim Antero Oliveira