21 novembro 2013

É Dentro do meu coração

354d291988f0c50a630f12ctd0

 

Tantas vezes te chamei,

Sem teu nome saber…

Outras tantas te olhei,

Não te podendo ver…

Agora que teu nome já sei

E onde estás a florescer…

Posso parar de divagar

E escrever-te uma canção.

Pois onde te vou encontrar,

É dentro do meu coração!


21/11/2013


Joaquim Antero Oliveira