01 maio 2013

A brisa do meu contentamento

gotasdocore

 

Meus dedos caminham divagando

Pelos labirintos do pensamento.

Tantas vezes perdidos no lamento,

Sentido, que vira pranto…

Outras tantas, feliz e sonhando

Que transpiram sentimento…

E em cada verso, em cada canto

Desnudo, com esse, teu encanto

A brisa do meu contentamento…

 

01/05/2013

Joaquim Antero Oliveira