26 junho 2011

Jardins secretos

 

love-passaros

 

A brisa, com perfume de maresia

Embriaga os meus pensamentos.

Meus olhos vêm como por magia

No horizonte, doces sentimentos.

 

Aqui, naufragam por momentos

As ondas desse mar de alegrias

E num vislumbre de encantamentos

Se tornam reais, minhas fantasias

 

Ao largo navegam barcos à vela

Guiados pelo rasto de uma estrela

Levam, com eles, olhares indiscretos…

 

Visões que cruzam a realidade

Paixões que eternizam a verdade

Em coloridos jardins secretos!

 

Autoria:

J. Antero Oliveira

14 junho 2011

Num poema a cantar

14l2dm0

 

 

Quero abraçar o vento

E voar pelos céus

Dar cor e encantamento

Aonde navegam os olhos teus

 

Quero ser o horizonte

Onde adormece o teu olhar

Ver-te sempre de fronte

E com os olhos te falar

 

Quero ver o sol-pôr

Quando a lua chegar

E oferecer-te uma flor

Sentado junto ao mar

 

Quero vestir essa cor

Que faz os olhos brilhar

Oferecer-te o meu amor

Num poema a cantar

 

Autoria:

J. Antero Oliveira

10 junho 2011

Segura…

 

anil-lua

 

Segura meus braços

Que se estendem ao teu encontro

 

Segura meus beijos

Que se extinguem na falta de ti

 

Segura meus olhos

Que te procuram no horizonte

 

Segura minha alma

Que se esvai se te não sente

 

Autoria:

J. Antero Oliveira